Cerca de 25% dos celulares no Brasil ainda são “Burrofones”

Em pleno século XXI ainda é possível encontrar uma quantidade considerável de pessoas avessas à tecnologia do Smartphone no Brasil. Em uma recente pesquisa feita pela Anatel aproximadamente 25% das linhas móveis ainda trabalham apenas com chamadas de voz ou SMS.  São 62,7 milhões de linhas móveis operando apenas com sinal 2G, também chamados de burrofones.

Com a queda do mercado causado pela atual economia do país, as vendas de smartphone caíram 13,4% em 2015, inviabilizando a expansão de modernização desse nicho “parado no tempo”.

op

Fonte: Teleco e Anatel

Há três motivos principais para o alto percentual de burrofones no país: o baixo preço dos aparelhos, a falta de conhecimento para utilização de tecnologia e problemas no sinal.

Além disso, a qualidade de sinal oferecida pelas operadoras em regiões de baixa renda afeta a utilização de smartphones programados para utilização do sinal 3G/4G, em algumas regiões do país não há sinal da tecnologia oferecida pelos aparelhos.

Apesar da expansão da tecnologia 3G/4G que esta sendo realizada em 2016, cerca de 550 cidades no interior do Brasil ainda recebem apenas o sinal 2G, informou dados da Anatel.

Você também vai gostar de:


Deixe uma resposta