O reajuste da taxa de juros do consignado

Foi aprovado na ultima quinta-feira (29) pelo Conselho Nacional de Previdência Social (CNPS), o aumento das taxas de juros do crédito consignado de aposentados e pensionistas do INSS. A discussão sobre o reajuste começou em maio deste ano, com a solicitação de aumento pelos bancários por conta do atual cenário econômico do país. Benedito Brunca, secretário de Políticas de Previdência Social afirma que a intervenção do governo evitou a alta elevação de juros para 2,48% do crédito consignado e 3,49% do cartão de crédito.

Com a contra proposta do governo as taxas subiram de 2,14% para 2,34 ao mês para o crédito consignado e de 3,06% para 3,36% ao mês para o cartão de crédito, um aumento de 9% desde maio de 2012 para os atuais 14,25% ao ano. O mercado de consignado alcança cerca de R$ 86 bilhões, por ocorrer através do desconto pela folha de pagamento possui uma das inadimplências mais baixas do sistema financeiro, um atrativo aos bancos de todo o país.

Há algumas semanas a presidenta Dilma Rousseff sancionou o limite do crédito consignado na renda do aposentado ou pensionista de 30% para 35%, sendo que os 5% são para uso exclusivo do cartão de crédito. Em maio deste ano foi vetado uma emenda que permitia a elevação para 40%, a presidenta argumentou que a alta porcentagem poderia comprometer a renda familiar.

O reajuste passa a valer após a publicação da decisão no Diário Oficial da União, que ocorrerá nos próximos dias.

Conheça mais:

Deixe uma resposta